A Frase

" O resultado fica para a história, o jogo bonito passa "

FELIPÃO
, Técnico da Seleção Brasileira, em entrevista coletiva, antes da grande final da Copa das Confederações, diante da Espanha, no Maracanã

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Aos vencedores, as batatas!

Não há como contestar: a Seleção Brasileira, sob o comando de Dunga, derrotou o Paraguai em Pernambuco, de virada, por 2 a 1, e lidera a batalha rumo à Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, com 27 pontos.

A partida desta noite, tenho de admitir, foi melhor do que o previsto.

Sei que muitos são os que aguardam por estas linhas, ainda mais depois de praticamente ter dito que os 4 a 0 diante do Uruguai, no Centenário de Montevidéu, não representaram lá grandes coisas.

E volto a dizer: não representaram, MESMO!

Não houve pegada, interesse!

Parecia um futebol ao estilo lango-lango (lembram do boneco?)

Contra o Paraguai, a Seleção Brasileira foi literalmente o oposto disso: mostrou vontade, velocidade, interesse no jogar bola!

A ansiedade, é verdade, atrapalhou nos chamados últimos e derradeiros passes, assim como na finalização das jogadas, mas, ao menos, não caímos no ridículo de ficar retrancado, como uma equipe de covardes!

A poeira, por mais curioso que possa parecer, baixou um pouco com o gol de falta de Cabañas, que só aconteceu pelo fato de a bola ter batido em Elano, vendendo o bom Júlio Cesar no lance.

Daí em diante o Brasil passou a ter mais confiança nas investidas com Kaká e Robinho.

E Daniel Alves, num cruzamento primoroso, viu Robinho festejar o empate aos 40 minutos do primeiro tempo.

Já na etapa final, com o 1 a 1, a Seleção era dona da situação, em absoluto.

E passou a ser ainda mais, com o gol de Nilmar, aos 4 minutos, em excelente participação de Felipe Melo.

A virada brasileira foi um banho de água fria nos paraguaios, que nada mais conseguiram fazer para que Júlio Cesar, ao menos, aparecesse na foto do jornal.

Confesso, e com todas as letras, que estou surpreso, estarrecido, no bom sentido - se é que isso existe - em ver que a Seleção do Dunga, faltando quatro rodadas para o encerramento das Eliminatórias, tem tudo para se classificar ao mundial em continente africano, sem que nos cause qualquer espécie de problema cardíaco!

São 12 pontos em jogo agora!

Teremos pela frente a Argentina, em Buenos Aires; o Chile, em Salvador, na Bahia; a Bolívia, provavelmente em La Paz; e a Venezuela, em local ainda não determinado, aqui no Brasil.

Argentina, apesar da péssima fase, apanhando de Bolívia e Equador, merece todo respeito. E, na Bolívia, há altitude!

Chile e Venezuela, não vejo como ameaça!

Enfim: temos tudo para, depois de séculos, ir para a Copa do Mundo sem desespero.

Que a Seleção, e o Dunga, saiba aproveitar o momento!

6 comentários:

  1. Pelo jeito o dunga não vai sair mesmo... Aguenta ele na Copa vai ser dificil... e se ele ganhar vai ter todo o direito de falar " Voces vão ter que me engolir"

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Zagallo outra vez, não, Uelton! Please! Abs, PP

    ResponderExcluir
  3. Fala PP se esse troço ai do Lango-Lango for for igual aos jogos do Brasil, então o brinquedo não tinha graça nenhuma né?

    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Acho que com Robinho a seleção tem muito a perder, ele não tem cacife pra ser titular da seleção e só atrapalha no ataque apesar do gol, mas acho que teremos que engolir ele tambem junto com Dunga, kkkkkkkkkk. abraço.

    ResponderExcluir
  5. pois é, junior... fazer o que! abs, pp

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário sobre os textos do Blog do Persio Presotto