A Frase

" O resultado fica para a história, o jogo bonito passa "

FELIPÃO
, Técnico da Seleção Brasileira, em entrevista coletiva, antes da grande final da Copa das Confederações, diante da Espanha, no Maracanã

quinta-feira, 2 de julho de 2009

O Brasil é do Corinthians!

Uol Esporte

A partida foi em Porto Alegre, no Gigante da Beira-Rio.

Mas, o Corinthians parecia enfrentar o Internacional no Pacaembu, em São Paulo.

Aos 16 minutos de partida, Jorge Henrique, impedido, foi às redes e a arbitragem anulou o gol acertadamente.

Mas aos 20, em jogada de Ronaldo com André Santos, que foi campeão da Copa das Confederações com a Seleção Brasileira, o predestinado Jorge Henrique, de cabeça, fez 1 a 0.

O gol foi um banho de água fria na cabeça Colorada, que precisava vencer por dois gols de diferença para ser campeão.

E a situação ficou ainda pior, aos 28, com o segundo gol corintiano, agora marcado por André Santos, com direito a assistência de Ronaldo.

A taça da Copa do Brasil só não ficou nas mãos do Corinthians ainda no primeiro tempo, porque Ronaldo desperdiçou uma chance cara a cara com Lauro, aos 36 minutos.

Na etapa final, o Corinthians apostou mais no contra-ataque, investindo no desespero Colorado que precisava, a partir daquele instante, de 5 gols.

Alecsandro, que entrou no lugar de Glaydson, foi o responsável pela reação do Internacional.

Fez aos 25 e depois aos 29 minutos.

2 a 2!

E o Inter não foi mais o mesmo depois disso.

Taison deu lugar a Andrezinho.

Nilmar continuou a jogar sozinho, esquecido do mundo.

E D'Alessandro fez o favor de ser expulso e querer comprar briga com o zagueiro William, numa brutal demonstração de covardia e despreparo.

Algo típico de quem não sabe perder!

Mas, Paciência!

O Corinthians, não caiu na provocação e continuou a apostar as fichas que tinha na velocidade de seus meias e atacantes.

Ronaldo, já no fim de jogo, teve, por mais uma vez, a chance de marcar o terceiro...

Não fez!

Uma pena!

Mas, tudo bem...

Passados 51 minutos o Corinthians pôde, finalmente, erguer a Copa do Brasil e garantir a presença na Taça Libertadores de 2010.

Ano de Copa do Mundo e de Centenário corintiano!

Presente melhor, não podia existir!

Salve o Corinthians, o campeão dos campeões...

10 comentários:

  1. Presentão mesmo, Persio!! ;D

    O lance do Jorge, aos 16, foi um aviso do que estava por vir!
    Corinthians fenomenal no primeiro tempo. No segundo, relaxou e o Inter empatou.

    Mas o que vale é fomos campeões, ano que vem estaremos na Libertadores! Ano do Centenário!

    E o Nilmar tá perdido no Inter, podia votlar ao Corinthians! :P

    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Fala PP pelo menos um dos resultados eu parcialmente acertei, vamos ver o de amanha.

    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Esse titulo só podia ser do Corinthians, mereceu muito, jogou melhor e toda a massa corintiana e os jogadores estao de parabens, ah.. sem falar do Mano que tambem merecia muito. abraço.

    ResponderExcluir
  4. E com toda a justiça.

    Eu cheguei a imaginar que pudesse acontecer algo para favorecer a equipe paulista. Me deixei levar um pouco por aquilo que o Fernando de Carvalho, vice presidente do Inter fez e falou nesses ultimos dias. Mas definitivamente, o Timao foi melhor e mereceu.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Também pensei assim, Anninha! O gol anulado foi um aviso do que estava por vir! Beijos, PP

    ResponderExcluir
  6. Concordo, Junior! E quer saber: o Internacional me frustrou! Imaginei que fosse dar mais trabalho! Abs, PP

    ResponderExcluir
  7. Wilson, dirigente provoca, faz de tudo pra irritar! Abs, PP

    ResponderExcluir
  8. Corinthians.... Corinthians minha história... Corinthians mue amor...

    Que volta pro cima o Todo poderos timão deu...título merecido esse time apanhou muito para chegar ao título.

    Fernando Carvalho tá me ouvindo... D' Alessandro é um bom personagem para seu desprezível DVD.

    Abraços

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário sobre os textos do Blog do Persio Presotto