A Frase

" O resultado fica para a história, o jogo bonito passa "

FELIPÃO
, Técnico da Seleção Brasileira, em entrevista coletiva, antes da grande final da Copa das Confederações, diante da Espanha, no Maracanã

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Motivos que me fazem ser contra a Copa do Mundo de 2014 no Brasil

MAURO CEZAR PEREIRA

Eu sou contra a Copa do Mundo de 2014 no Brasil. Motivos? Não dá para confiar em políticos e dirigentes daqui. Você duvida? Então como explicar as obras com custos pra lá de estourados no Pan do Rio de Janeiro, em 2007? E os orçamentos estratosféricos para novos estádios, específicos para o Mundial de futebol?

O Engenhão é novo, moderno, custou mais do que prometeram inicialmente, mas apesar disso tudo não estará na Copa. Como o Serra Dourada, que é de 1975 e segue bem conservado. Com uma reforma abrigaria jogos de 2014, claro. Mas naquela região do país, a sede será Cuiabá, que nem time na Série A tem, e onde um estádio sairá do zero.

Vai custar muito dinheiro, provavelmente público, já que as empresas privadas que bancariam as obras, como prometido por responsáveis pelo torneio, ainda não deram as caras. Há estádios particulares, como o Morumbi, o Beira Rio e a Arena da Baixada. Mas a maioria pertence aos governos estaduais.

Caso do Castelão, em Fortaleza (CE), "obra mais cara do Nordeste para a Copa de 2014", como informou no dia 14 de maio a Folha de S. Paulo. O jornal acrescentou que o Ministério Público quer embargar a licitação. Motivo? Suspeita de restrições para beneficiar consórcios...

Inacreditavelmente o valor da construção foi previamente definido em edital, nada menos que R$ 487 milhões, ou seja, mais do que custaram as construções do Engenhão, no Rio, e do Bezerrão, no Distrito Federal. E estamos nos referindo à reforma do Castelão, que estás em condições bem razoáveis e recebe jogos da Série A.

Há poucas semanas entrevistamos, no Bate-Bola da ESPN Brasil, Ferruccio Feitosa, secretário de esportes do Estado do Ceará, que falou sobre o projeto e seus custos, foi questionado a respeito das cifras, mas não nos convenceu. A Folha de S. Paulo informa, ainda, que no total, o custo será de R$ 617 milhões.

O jornal acescenta que "o vencedor da licitação será quem oferecer a melhor oferta para administrar o estádio por oito anos, o que representará apenas 22% do valor global. Ou seja, é como se os consórcios disputassem uma licitação de R$ 130 milhões para gerir o estádio e, de brinde, ganhassem uma obra de R$ 487 milhões sem concorrência".

Na noite desta terça-feira, às 22h30, a Copa de 2014 será tema do programa MTV Debate. Participarei da mesa comandada por Lobão e que terá, entre outras, a presenças como o Deputado Sílvio Torres, o ex-jogador Vampeta e o dirigente Marco Aurélio Cunha, do São Paulo.

Acima, alguns motivos pelos quais digo, e repetirei, que sou contra a Copa de 2014 no Brasil. E você?

http://espnbrasil.terra.com.br/maurocezarpereira/post/121783_MOTIVOS+QUE+ME+FAZEM+SER+CONTRA+A+COPA+DO+MUNDO+DE+2014+NO+BRASIL

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário sobre os textos do Blog do Persio Presotto