A Frase

" O resultado fica para a história, o jogo bonito passa "

FELIPÃO
, Técnico da Seleção Brasileira, em entrevista coletiva, antes da grande final da Copa das Confederações, diante da Espanha, no Maracanã

sábado, 8 de janeiro de 2011

As mulheres mandam...



"Dizem que a mulher é sexo frágil, mas que mentira absurda!"

E é mentira, mesmo!

Fosse o sexo frágil, a mulher não teria conquistado no tempo da República do Café com Leite o direito ao voto e a abolição da escravatura, assinada pela Princesa Isabel, não passaria de um sonho revolucionário e inconsequente.

Nos países da América latina, Cristina Kirchner, Michelle Bachelet e Dilma Rousseff não seriam eleitas presidente na Argentina, Chile e Brasil.

E nem haveria espaço para Rilary Clinton (EUA), Rainha Elizabeth, Margareth Thatcher (Reino Unido) ou Angela Merkel (Alemanha)!

No futebol brasileiro, Marlene Matheus e Patrícia Amorim não teriam vez e não poderiam representar os clubes de maior torcida da Nação: Corinthians e Flamengo, respectivamente.

No jornalismo, a mulher também calou a boca dos machistas de plantão...

No Caso Mensalão, quem não lembra das mesas redondas no Programa do Jô?

As meninas do Jô debateram e opinaram, como qualquer homem gostaria de ter feito, mas não fez!

E no meio esportivo?

Mulher, cobrindo futebol???

No mínimo é Maria Chuteira...

Sei...

Não troco a versão, a sensibilidade feminina por nenhum comentário pragmático e previsível de um homem.

Elas têm o poder de surpreender, ir além!

Colocam no papel, nos blogs, a sua opinião, destacando sempre aquilo que são: mulheres.

A sensualidade, o carinho, a percepção ficam nítidas em cada linha redigida.

Ana Carolina Sakurá, que abrilhanta este espaço com seus textos e observações sobre os fatos do cotidiano, é a prova maior disso.

Além de amante do bom futebol, é uma educadora de mão cheia!

Então, meus caros... o que nos custa?

As mulheres que sejam aplaudidas e apreciadas a cada dia!

E respeitadas, sem machismos baratos, porcos e nojentos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário sobre os textos do Blog do Persio Presotto