A Frase

" O resultado fica para a história, o jogo bonito passa "

FELIPÃO
, Técnico da Seleção Brasileira, em entrevista coletiva, antes da grande final da Copa das Confederações, diante da Espanha, no Maracanã

quarta-feira, 9 de junho de 2010

2002: A Copa do cala boca



2002 - País sede:
Coréia do Sul e Japão
Campeão: Brasil
Placar da Final: Brasil 2x0 Alemanha

O elenco campeão: Marcos; Lúcio, Anderson Polga e Roque Jr.; Cafu, Gilberto Silva, Ronaldinho Gaúcho, Juninho Paulista e Roberto Carlos; Ronaldo e Rivaldo. Técnico: Luís Felipe Scolari.

Foi a chamada Copa da superação. Num momento em que ninguém acreditava, a Seleção Brasileira e Ronaldo deram a volta por cima e trouxeram, para o Brasil, o pentacampeonato, que havíamos perdido na França.

O saldo obtido pela "Família Scolari" foi altamente positivo para a nossa surpresa: vencemos os 7 jogos, tivemos o melhor ataque (18 gols), o artilheiro e o vice-artilheiro da Copa: Ronaldo (8) e Rivaldo (5).

Porém, para muitos dos favoritos, a Copa foi um fracasso. Principalmente para os franceses, que eram os atuais campeões. Sem poder contar com Zidane nos dois primeiros jogos, em virtude de uma contusão, a França parecia outra: perdeu dois jogos, empatou um e não fez um gol sequer.

Outros que chegaram em alta e despencaram rapidamente foram os italianos, os espanhóis, os portugueses e os argentinos.

Em compensação, Turquia e Coréia do Sul chegaram a um patamar antes nunca alcançado, entre as quatro melhores seleções do mundo; e Senegal, que disputava sua primeira Copa, realizou a proeza de vencer os franceses na estréia e ficar entre os oito primeiros colocados exibindo um futebol moleque, porém responsável.

Embora tenha sido uma Copa realizada na Coréia do Sul e no Japão esta, certamente, foi uma "Copa das Arábias".
___________________________________________________
O Blog do Persio Presotto e o Le Poète en Fleur estão concorrendo ao "Prêmio Top Blog 2010", nas categorias esportes e variedades. Para votar, basta clicar no selo à direita da tela, nos topos dos respectivos blogs. Gratos pela preferência!

Um comentário:

  1. A Seleção Brasileira já teve uma criatura chamada Anderson Polga??? Desse aí não me lembrava de jeito nenhum.

    Beijo, Persio.

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário sobre os textos do Blog do Persio Presotto